Últimas Notícias

Notícias Anteriores

  • Devemos agir como consumidores conscientes e dar preferência aos detergentes e produtos de limpeza biodegradáveis, que diminuem a poluição do meio ambiente.

  • Não use a mangueira como vassoura para eliminar a sujeira do quintal ou da calçada.

  • Regando as plantas de manhã cedo ou à noite, evita-se que uma grande percentagem de água se desperdice ao evaporar.

  • Não deixe a torneira aberta enquanto escova os dentes ou faz a barba. Isso poderá poupar até mais de 30 litros de água.

  • Feche a torneira enquanto estiver lavando roupa ou ensaboando a louça para economizar água. Enxágue tudo de uma só vez.

  • Para cada copo de água ingerido, são necessários praticamente dois para lavá-lo!

  • Acabe com o pinga-pinga. Elimine vazamentos e conserte torneiras e duchas mal reguladas.

  • Reduza o tempo de chuveiro aberto para no máximo 5 minutos. Enquanto estiver ensaboando o corpo e o cabelo, não deixe água a correr.

  • Você sabia que a máquina de lavar roupa consome atém 90 litros de água por lavagem? O ideal é usá-la apenas quando tiver a carga máxima.

  • Segundo o Ministério das Cidades, a média brasileira de água tratada desperdiçada já chegou a cerca de 40%.

  • É muito importante reaproveitar o papel, pois para produzi-los se gasta muitos litros de água.

  • Na média , a proporção de água no corpo humano é semelhante à proporção entre terras emersas e águas na superfície da Terra. Interessante não é?

  • Muitos pesquisadores concordam que beber água tratada é um dos mais importantes fatores para manter a saúde. Um gesto tão simples evita doenças.

  • Consuma água antes mesmo de sentir sede porque quando a sensação vem é sinal de que o corpo já está desidratando.

  • Não gosta de tomar água? Hidrate-se tomando sucos de frutas naturais, sem açúcar, e chás de ervas de camomila, hortelã, cidreira, capim-limão.

  • Muitos alimentos têm um alto conteúdo de água como as maçãs(85%), espinafre (90%), batatas(80%) e tomate (95%).

  • Energia de biomassa, geotérmica, maremotriz, eólica e solar são algumas das energias renováveis, provenientes de recursos naturalmente reabastecidos.

  • Segundo a Agência Internacional de Energia Renovável, a China é o pais que mais emprega no setor, com 2,6 milhões de postos de trabalhos.

  • Na indústria de energia renovável, o Brasil ocupa o segundo lugar no mundo em número de postos de trabalho. São cerca de 890 mil, a maioria ligada a produção de etanol e biodiesel.

  • A área de energia solar é que mais emprega na indústria renovável no mundo (2,27 milhões de pessoas), seguida pela de biocombustíveis, líquidos(1,3milhão de empregados)

  • A energia gerada a partir do vento é utilizada pelo homem há muito tempo para movimentar as suas embarcações e para moer grãos nos moinhos de vento.

  • A energia solar ainda é pouco usada para gerar energia em grande escala por causa de seu alto custo de implantação.

  • Para produzir energia eólica, os aerogeradores, grandes turbinas em forma de cata-vento, são instalados em locais abertos e com grande quantidade de vento.

  • A energia maremotriz é conseguida através dos movimentos das ondas do mar e das marés. Na maré alta, a água do mar enche as turbinas gerando energia.

  • A energia geotérmica é gerada com a a energia que vem do interior da Terra, cujo calor produz água muito quente e muito vapor que são utilizados para acionar turbinas.

  • Com o gás metano, originado de materiais orgânicos em decomposição, gera-se a energia da biomassa. Além de ser renovável, ela contribui para a diminuição do efeito estufa.

  • A quantidade de gás metano produzido por todo o lixo orgânico brasileiro alimentaria uma usina de 2000 megawatts, que produziria R$ 3,6 bilhões em energia no ano.

  • No ano de 2008, cerca de 19% do consumo mundial de energia veio de fontes renováveis.

  • Em 2020, a Dinamarca espera produzir mais da metade de sua energia através dos ventos.

  • Em cada hora de consumo elétrico, cerca de cinco minutos são de produção eólica.

  • Mesmo a energia sendo renovável e provocando baixo impacto ao meio ambiente, devemos economizá-la sempre, usando com consciência.

  • As lâmpadas de LED duram até 13 anos e consomem muito menos energia elétrica para a mesma luminosidade.